O azul turquesa na decoração

Tenho uma resistência forte para usar ou gostar do azul turquesa na decoração, muito provavelmente porque de fato não é uma cor fácil. Para ficar bacana, ou aparece como protagonista ou pelo menos como um parente importante. Menos não dá, te garanto. O turquesa, azul-turquesa ou azul-tofani é uma cor terciária, esverdeada. Uma cor terciária ou cor intermediária é uma cor feita pela mistura da saturação total de uma cor primária, com meia saturação de outra cor primária e nenhuma de uma terceira cor primária, neste caso, uma combinação de verde e ciano. A cor recebeu esse nome por sua vez em função do mineral homônimo e deriva da palavra francesa turquoise, que significa “oriundo da Turquia. As variedades mais caras são a “robin’s egg blue,” (cor azul do céu) e as inferiores são esverdeadas. A cor também está associada ao mar do Caribe, que têm essa tonalidade. Neste projeto, recheado de azul turquesa, as designers do escritório LYGA Studio assinam esse apartamento em Palermo, na Itália, e que ficou bacana à beça. O turquesa sem adornos traz a alegria e força desta cor, forte e super potente. Algumas almofadas não são a solução ideal para colorir um ambiente, especialmente se a base for bege, a cor mais comum nas casas brasileiras. Dê um GOOGLE e veja como fica estranha essa combinação, e fuja, ok? Apesar de ficar muito bem nas ambientações contemporâneas, esse azul com cara de feliz, era comumente usado nas portas e janelas das casas coloniais, sempre de maneira acertada. Inspire-se! 

LYGA Studio: https://lyga.it/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.