A decoração original de Bethann Hardison

Bethann Hardison é conhecida por seu papel na moda, e seu apartamento é um reflexo de sua personalidade marcante. Não há nada muito formatado no espaço de Hardison no bairro Gramercy, em Nova York, e ela admite firmemente não ter nenhum interesse real em decorar. Isso não significa que sua casa seja vazia de estilo. Uma das primeiras supermodelos afro-americanas, Hardison começou sua carreira na década de 1970, e fundou sua própria agência de modelos, a Diversity Coalition, com Iman e Naomi Campbell. Há também o documentário Invisible Beauty, que ela produziu e dirigiu para destacar a relação entre os modelos negros e a indústria da moda, e há muitas cartas que ela escreveu para designers e editores para defender a diversidade na passarela e nas publicações impressas. A casa de dois quartos de Hardison não é um reflexo de qualquer estética ou imagem em particular, mas tem originalidade de sobra – uma palavra que Diana Vreeland costumava usar para distinguir os que têm estilo dos que não têm. É, simplesmente, um reflexo da própria Hardison – uma coleção de coisas que falam com as pessoas que ela conheceu e o que ela fez com sua vida até agora. Na sala há um artigo sobre mídia mista do amigo Keith Haring, que ele lhe deu na noite em que discutiu a batalha contra a AIDS. Acima dela, há uma pintura de David Bowie (também presente), e do outro lado, em um armário de vidro, há um par de sapatos personalizados Hervé Leger, que ela usou como dama de honra no casamento de Bowie com Iman. Há estantes cheias de livros, a maioria dos quais ela não leu, mas eles estão lá e há espaço, então por que não? Inspiração à beça para todos nós. No conceito da decoração e da vida!! Enjoy!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *