Automoção residencial: o controle da sua casa na palma da mão

Já pensou em acordar com o café pronto? Chegar em casa e ir direto para banheira cheia e quentinha? Ou então, não se preocupar em irrigar o jardim, e o melhor, sem que ninguém faça por você? Isso já é possível, por meio da tecnologia de automação residencial.

Automoção residencial: o controle da sua casa na palma da mão, já não é mais um sonho! Uma das principais tendências da arquitetura e do design de interiores é a chamada automação residencial, ou ainda, casas tecnológicas. Impulsionada pela difusão de gadgets e da conectividade à internet, essa tendência está a cada dia mais presente nas casas brasileiras. De acordo com o arquiteto e urbanista Ricardo Sardo, é uma realidade que se impõe inevitavelmente. “Isso significa acionar cortina, acender luzes, controlar a abertura da janela e até o enchimento da banheira de forma remota e programada”. Nas casas inteligentes o controle é dos moradores, por meio da tecnologia interligada ao próprio smartphone. O arquiteto destaca que a automação residencial vai muito além de eletrodomésticos conectados à internet. “Além da comodidade, a tecnologia também tem um papel importante de redução de custos e impacto ambiental. Afinal, a partir da automação residencial é possível otimizar a captação e utilização de energia solar, eólica, programar horários e quantidade para irrigação de jardins, entre outras ações que geram economia de recursos”. O ano de 2020 é o ponto de referência para que a automação residencial represente, de fato, um mercado dominante em países desenvolvidos, mas a tecnologia tem avançado a passos largos. O brasileiro Ricardo Sardo, que atua no oeste do Paraná, dá um exemplo: “Projetamos uma residência que está em fase final de construção, e que implantará essa tecnologia. Isso não aumentou o custo do projeto, mas demandou adaptações para que os projetos complementares se adequem as novas necessidades, como por exemplo, o projeto elétrico, com tubulações para fiação e central de inteligência”, explica. A tecnologia já existe, agora é só mesmo uma questão de tempo, até que ela esteja acessível a todos, completa o profissional. Programe-se para aderir, pois todas as casas podem receber automação, até as que não foram projetadas contando com essa nova tecnologia. Corra, porque uma banheira cheia e quente em uma sexta-feira daquelas, é pedida irresistível!

 

 

Ricardo Sardo: http://www.ricardosardo.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *