Uma mesa em Barcelona, por Adrià Escolano e David Steegmann

Uma mesa em Barcelona, por Adrià Escolano e David Steegmann! Uma mesa pode ser o coração e o centro de uma casa – uma infraestrutura intercambiável que é muito mais do que uma simples peça de mobília. Talvez seja onde você começa sua manhã, se reúna para comer a cada noite ou beba chá depois de um longo dia no trabalho. Talvez seja o local em que você trabalha em casa, o lugar onde você joga suas chaves, armazena correspondência, usa apenas em ocasiões especiais ou exibe flores frescas. Aqui, o arquiteto de Barcelona Adrià Escolano e seu parceiro David Steegmann usaram a mesa, humilde, como um dispositivo arquitetônico para reconectar um apartamento bastante diferente na cidade natal de Adrià. Situado no bairro de Gràcia, em uma colina, o apartamento de 140 metros quadrados era escuro, com a maioria dos espaços sendo fechada ou desconectada do exterior voltado para a rua, ou do pátio para os fundos. Adrià foi encarregado de dar uma nova vida no espaço, abrindo-o e acrescentando calor e luz, bem como atualizando a cozinha e o banheiro existentes. Dois materiais trabalham para tecer o espaço juntos: uma paisagem ondulante de ladrilhos cerâmicos em vermelho brilhante e ocre e granito cor-de-rosa para uma série de superfícies horizontais e mesas. Onde os aposentos eram antes centrados em torno de um closet, Adrià reformulou a distribuição do espaço e abriu divisórias e paredes existentes, o que permitiu que a luz inundasse o apartamento e se transformasse em um conjunto de salas públicas, cada uma irrestrita, visível. Os arcos redondos são uma referência à época marcante do estilo Art Nouveau de Barcelona, enquanto azulejos estampados no chão também fazem referência ao passado arquitetônico da cidade e à planta original do apartamento. A antiga peça central do armário foi substituída pela mesa de granito larga e oval, que – como muitas mesas fazem – funciona como bancada de cozinha e, eventualmente, inúmeras outras funções (um bar de coquetéis? Uma mesa de pingue-pongue? ). Em última análise, concebido mais como estrutura do que como um móvel, a mesa desempenha o papel de protagonista de cada uma das áreas de estar do apartamento. Original e super bacana! 

Adria Escolano: http://www.adriaescolano.com/2018/02/a-table-ii-table-is-blank-page_18.html

via: Yellowtrace

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *