Apartamento em Londres

O apartamento em Londres do arquiteto neozelandês Willian Tozer está localizado em um edifício com passado industrial, e o profissional fez questão de ressaltar essa característica, deixando o teto de concreto bruto aparente. A madeira escura, revestimento nobre, usado em paredes e pisos, faz a distinção entre o novo e o velho. O uso incomum e surpreendente dos materiais produz como resultado um apartamento de ar moderno e cosmopolita. Tozer justifica a escolha: “Em minha mente, uma madeira rica como esta exige um tratamento primitivo de todas as superfícies adjacentes”. O branco, escolha para muitas superfícies, funciona como ponto de equilíbrio para a dramaticidade do concreto aparente e da madeira no apartamento londrino. 

saasdas

A mesa de jantar também faz as vezes de apoio para o trabalho. O branco ajuda a ressaltar a beleza do  concreto e da madeira.

Loft-Apartment-London-by-William-Tozer (2)

A vista da cidade através dos grandes panos de vidro pode ser admirada do mobiliário assinado do amplo living.

Loft-Apartment-London-by-William-Tozer (3)

A elétrica aparante, além de preservar o concreto, ajuda a compor o clima industrial. Bancada em inox e armários brancos na cozinha. O tom do revestimento do piso é muito parecido com o tom do concreto, em escolha acertada.

Loft-Apartment-London-by-William-Tozer (5)

As luminárias simples marcam o balcão da cozinha, que é delimitada especialmente pelo piso, mas também pelo próprio balcão.

Loft-Apartment-London-by-William-Tozer (6)

No corredor, retratos.

Loft-Apartment-London-by-William-Tozer (7)

As prateleiras apoiam obras, que em diferentes tamanhos, movimentam a composição.

Loft-Apartment-London-by-William-Tozer (8)

As linas ultra simples do escritório valorizam bastante o revestimento de madeira.

rftrtr

Os tons sóbrios se repetem no quarto elegante.

Fotos: Emily Andrews

homenewzealand.blogspot.com.au

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.