A casa/galeria de Nina Yashar

A casa/galeria de Nina Yashar reproduz fidedignamente o conceito e estilo adotado por ela em sua conceituada e cultuada galeria na cidade de Milão. Nina nasceu em Teerã, mas seu pai preferiu criar ela e a irmã em Milão para que tivessem uma visão mais cosmopolita da vida. Funcionou. Nina é vanguardista. Nascida em 1957, Nina abriu sua galeria aos 24 anos, misturando grandes mestres do design ao lado de tapetes chineses, o que rendeu a ela a reputação de visionária, e logo havia fila em sua porta. O apartamento onde mora com o marido tem a assinatura da curadora e todo o seu referencial. As paredes são gravadas com padrões persas ornamentais e símbolos. Móveis e luminárias podem ser confundidos com esculturas. Mesas e armários com objets d’art, vindos diretamente da sua galeria Nilufar, que representa desde sempre nomes como Carlo Mollino, Ettore Sottsass, Piero Fornasetti e Giò Ponti, são exibidos ao lado de peças mais contemporâneas e artistas de vanguarda descobertos por Yashar, tais como Martino Gamper e Bethan Laura Wood. Não à toa, Nina tornou-se conhecida como “Rainha do Design”.

uyyuu

A poderosa Nina Yashar em seu duplex, em Milão. Luminária Gae Aulenti sobre mesa Frank Lloyd Wright e Warren McArthur.

wqqwqwqw

Obra de Piero Pizzi Cannella e poltrona em couro Jacques Adnet. O teto, depois de receber pintura azul, foilavado com tinta branca e recebeu desenhos em ouro. Lindo e muito diferente.

fwe3rererw

Na decoração em constante mutação, fotografia Grazia Toderi e mesa Hans Bellman.

nina yashar house (5)

Obra “Beijing Belle”, de Jiang Congyi sobre cama assinada por Osvaldo Borsani.

nina yashar house (3)

Na cozinha, luminária Artichoke de Poul Henningsen e mesa e cadeiras Giancarlo Montebello.

nina yashar house (6)

Cadeiras Melchiorre Bega e mesa Italia Garda assinada por Massimiliano Locatelli.

nina yashar house (2)

Mesa e cadeira Jean Royère.

Fotos: Andrea Ferrari

via: T Magazine

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.